Fenestração Do Nervo Óptico

Fenestração Do Nervo Óptico Dr Victor Marques

A região ocular é formada por diversas partes, com muitas outras além das citadas aqui, e cada uma delas tem a própria particularidade no que diz respeito a funcionalidades e cuidados, neste artigo vamos nos deter no nervo óptico e em uma das principais intervenções cirúrgicas da região: A Fenestração do Nervo Óptico.

Um procedimento vinculado à tentativa de frear a perda de visão em casos de doenças específicas, no qual é indispensável um médico oftalmologista especializado e mais: atento às suas necessidades.

Por isso, o Dr. Victor Marques, PhD em Medicina pela USP, está à disposição para conversar com você agora, diretamente pelo WhatsApp.
Envie já sua mensagem:

agendamento-por-whatsapp-dr-victor-marques

O que é nervo óptico?

O básico, para detalhar o tipo de Fenestração do Nervo Óptico mencionada aqui, é explicar o que é o nervo óptico.

Ele seria um tipo de fio condutor responsável, de forma grosseira, por conectar os olhos ao cérebro e, assim, permitir a leitura das informações enviadas por transmissão de impulsos, após estimulação pela luz.

O nervo óptico, além de sensível, é componente insubstituível para possibilitar a visão, por isso, qualquer alteração, ainda que mínima, pode comprometer a função dos olhos.

Muita vezes, após seu comprometimento total, não é possível recuperar o nervo óptico.

Principais doenças do nervo óptico

.Neurite retrobulbar: inflamação do nervo óptico, afetando um dos olhos;
· Ambliopia tóxica: semelhante ao caso anterior, mas causa prejuízo em ambos os olhos;
· Neurite óptica: inflamação na parte do nervo óptico que está em contato com o olho;
· Papiledema: nervo óptico inchado, devido à pressão elevado do cérebro.

Entretanto, as enfermidades que requisitam como tratamento a fenestração da bainha do nervo óptico são:

Hipertensão intracraniana idiopática

Também conhecida pelos nomes de hipertensão intracraniana benigna ou síndrome do pseudotumor cerebral, a doença atinge, principalmente, pessoas do gênero feminino: uma a cada 100 mil mulheres com peso “normal” e vinte a cada 100 mil mulheres obesas.

No caso de crianças, a incidência da Hipertensão intracraniana idiopática ocorre após o uso de dois tipos de substâncias: corticoides e quantidades significativas de tetraciclina.

De forma simplista, apesar da causa desconhecida, doença é responsável pelo aumento da pressão cerebral, o que, entre outros sintomas, gera:

.Dores de cabeça frequentes (de moderada à severa);
· Náuseas e vômitos;
· Visão dupla (diplopia);
· Zumbido;
· Visão obscurecida;
· Perda da visão periférica, chegando até a cegueira.

O diagnóstico da hipertensão intracraniana idiopática é feito através de ressonância magnética e punção lombar.

Outras causas que possam necessitar da fenestração ou fistulização o nervo óptico seriam: alterações no sistema nervoso central (cérebro) que aumentasse a pressão intra craniana como infecções, tumores e doenças inflamatórias de causas definidas.

O que é fenestração do nervo óptico?

Fenestração vem do verbo fenestrar, que significa abrir uma fresta ou janela. Já em termos oftalmológicos, a fenestração do nervo óptico é o procedimento cirúrgico indicado nos casos de doenças como hipertensão intracraniana idiopática (sem causa ou motivo aparente e nos casos de Compressão do Nervo Óptico.

Vale a pena ressaltar que não há sintomas de fenestração, uma vez que trata-se de uma cirurgia.

Cirurgia para descompressão do nervo óptico

Neste processo, o cirurgião precisa criar uma fístula (criar um canal de comunicação entre órgãos de forma cirúrgica) na bainha do tecido óptico conjuntivo, de forma a abrir uma passagem que permite o fluxo do líquido cerebral (líquor), resultando em diminuição da pressão intracraniana e da compressão do nervo óptico.

A cirurgia que tem ação de descompressão do nervo óptico também é conhecida como fistulização da bainha do nervo óptico e foi proposta inicialmente em 1872.

Dr. Victor Marques: oftalmologista cirurgião do nervo óptico

Realizar a tratamento do nervo óptico com segurança pode ser mais simples do que imagina. Basta encontrar um médico oftalmologista dedicado a um atendimento direto, humano e personalizado, como o Dr. Victor Marques.

Conheça um pouco mais do currículo dele:

· Graduação: Medicina – Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais;
. Ph.D, pela faculdade de medicina de Ribeirão Preto – USP
· Treinamento cirúrgico: Oculoplástica e cirurgia de órbita pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (USP);
· Fellowship Observacional: Oculoplástica em mais de 5 países (Argentina, Canadá, Estados Unidos, Itália e México);
· Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica Ocular;
· Membro do Conselho Brasileiro de Oftalmologia;
· Coordenador do ambulatório de Patologias Orbitárias (oncologia, trauma, anomalias, doenças inflamatórias etc) na Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte;
· Professor de anatomia na Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais (FCMMG).

Garantir o atendimento do Dr. Victor Marques é simples: envie uma mensagem via WhatsApp de qualquer lugar do Brasil, ele atende em todo o país e responde você, sem intermediários, no seu smartphone.

É muita comodidade para ser cada vez mais simples recuperar a qualidade da sua visão. Escreva agora e saiba mais sobre a Fenestração do Nervo Óptico:

agendamento-por-whatsapp-dr-victor-marques